fechar list menu - Academia Shaolin Valinhos
Dança do Leão

A dança de leão (舞狮 – wǔshī) é uma arte cerimonial que consiste na manipulação de um leão chinês performada por dois atletas, acompanhada de percussão. Suas origens estão envoltas em muitas lendas e não se pode marcar um período em que efetivamente se teria o início dessa prática.

Acredita-se, porém, que a dança tenha tido seu início em meio à dinastia Han (汉朝 – 206 A.E.C. – 220 E.C.), há cerca de 2000 anos. O leão chinês é uma figura mitológica que combina as características de quatro animais sagrados à mitologia antiga chinesa: o dragão, o tigre branco, a tartaruga e a fênix. Diz-se que cada um desses quatro seres mitológicos empresta ao leão habilidades e traços particulares para que ele possa exercer sua função cerimonial. A dança de leão, embora não seja uma prática religiosa, representa a purificação do ambiente e a expulsão dos males, oferecendo alegria e boa fortuna ao ambiente e para quem nele está presente, jamais representando risco a qualquer ser vivo, sendo representado como um animal herbívoro.

Em razão disso, a dança de leão é muito apreciada em diversas ocasiões festivas, seja na inauguração de um comércio, em eventos esportivos, casamentos, entre outros. No entanto, para o folclore chinês, sua presença se torna imprescindível para o ano novo do calendário lunar, conhecido também como ano novo chinês. Sua importância para essa data pode ser explicada pelo folclore chinês, representando um dos mitos de sua origem. Narra-se, na mitologia, que em tempos antigos havia um monstro chamado Nien, cuja pronúncia é muito parecida com a palavra ‘ano’ em mandarim (年 – nián), que aparecia uma vez por ano e destruía as plantações dos vilarejos, causando muito sofrimento para os habitantes. Certa vez, quando Nien estava por aparecer novamente e os povoados já previam o sofrimento por mais um ano, teria aparecido um leão chinês que enfrentaria o terrível monstro. Narra a lenda que, quando Nien se aproximou, o leão começou a se mexer vigorosamente e soltou um rugido que espantou o monstro para longe dos povos, garantindo um ano de fartura e de prosperidade após tanto sofrimento. Essa vertente do mito diz que a origem da dança de leão teria seu início quando esses povos, gratificados pela prosperidade, construíram uma máscara semelhante ao leão que os salvara e a manipulavam, imitando seus movimentos. No ano seguinte, então, quando Nien tentou, outra vez, assolar as terras, os próprios homens o enfrentaram com o leão que haviam construido e conseguiram espantar o monstro, graças à imitação que eles fizeram, garantindo, novamente, a prosperidade para as plantações.

A influência mais provável que se possa rastrear para a dança de leão na China, no entanto, seriam os negócios pela rota da seda. Na China não se encontra leões, sendo sua presença devido apenas a países vizinhos que poderiam apresentar essa criatura ao povo chinês. A figura do leão, provavelmente, teria vindo através da cultura da Índia, em especial, com a expansão do budismo. Nessa religião o leão representa a montaria da figura divina Manjusri, a qual simboliza a sabedoria. Introduzido na China, porém, o leão passou por diversas adequações à cultura típica chinesa, adotando a rica mitologia de seu folclore, misturando suas influências do budismo com crenças animísticas e doutrinas do taoísmo, como também agregando aspectos da ópera chinesa e suas influências do ‘Romance dos Três Reinos’. Assim sendo, cada região da China passou a desenvolver seu próprio leão, focando em diversos aspectos, gerando diversos estilos da dança.

Muito embora o número de estilos de dança de leão seja muito grande, dependendo de região para região, etnia para etnia, pode-se apresentar essa arte como dividida, sobretudo, entre dois estilos dominantes na China, conhecidos em todo mundo: a dança do leão do norte (北舞狮) e a dança do leão do sul (南舞狮). A dança de leão do norte, tecnicamente, não se insere na definição dada acima, isto é, ela não é uma arte cerimoniosa. A prática do estilo norte se desenvolveu originalmente para servir como atração lúdica em festas ou para a corte chinesa, deixando de lado parte de seu aspecto original. Por sua vez, o estilo sul preservou sua carga ideológica e foi muito desenvolvida por associações de artes marciais, aproveitando suas ricas tradições para fazer demonstrações, misturando a dança de leão com as habilidades marciais dos atletas.

Hoje em dia, embora as tradições sejam mantidas vivas pelos grupos de dança de leão, há bastante influência mútua entre os estilos, fazendo com que o estilo sul tenha adquirido muitas acrobacias novas e elevando o nível técnico para quem pratica a arte, sem deixar de lado sua função original.

Para mais informações sobre os significados e tradições da dança de leão, acesse também:
www.facebook.com/pages/Dança-de-Leão/289084081200853

Estilos diferentes

Os dois tipos mais populares de dança do leão na cultura chinesa, são a do leão nortista e do leão sulista.

Nortista:

No norte, os leões geralmente aparecem em pares. Leões nortistas geralmente têm pêlo longo e desgrenhado de cor laranja e amarela, com um arco vermelho ou verde na cabeça para indicar se se trata de um macho ou uma fêmea. Durante uma apresentação, os leões nortistas se parecem com um cão pequinês ou Cão Fu, e seus movimentos são muito realistas. Acrobacias são muito comuns, com proezas como se equilibrar ou se balançar sobre uma bola gigante. Leões nortistas às vezes aparecem como uma família, com dois grandes leões “adultos” e um par de “leãozinhos”. Ninghai, em Ningbo, é chamado de “Lar da Dança do Leão” (狮舞之乡) para a variedade nortista.

Sulista:

Guangdong é o lar da variedade sulista. Acredita-se que os leões chifrudos sulistas sejam Nians. O estilo sulista pode ser subdividido em Fut San (Montanha do Buda), Hok San (Montanha do Grou), Fut-Hok (estilo menor que é quase um híbrido de Fut San e Hock San), Chow Gar (estilo menor praticado pelos participantes do estilo de Kung Fu da família Chow) e o Qing Shi (Leão Verde – popular entre os Fujianos/Hokkianos e Taiwaneses).

Fut San é o estilo que muitas escolas de Kung Fu adoptam. Ele requer movimentos poderosos e resistência quando em espera. O leão se torna a representação da escola de Kung Fu e somente os estudantes mais avançados podem realizá-lo.

O estilo Hok San é mais comumente conhecido como um estilo contemporâneo. O estilo contemporâneo Hok San combina uma cabeça de leão sulista com os movimentos do leão nortista. O estilo Hok San tenta reproduzir um aspecto e movimentos mais realistas, bem como performances acrobáticas. Sua cauda curta é também favorita entre as trupes que fazem o salto da baliza (jong) .

Quando o leão que dança entra numa vila ou jurisdição, imagina-se que ele preste seus respeitos ao templo budista local, em seguida aos ancestrais e finalmente atravesse as ruas para trazer felicidade ao povo. Existem três tipos de leão: o leão dourado, representando vigor; o leão vermelho, representando coragem; e o leão verde, representando amizade.

História

Fique sabendo de tudo o que acontece na nossa academia
 

Templo Shaolin

O Templo Shaolin é considerado importante para os chineses, tanto no aspecto marcial, como religioso e filosófico. Comumente relacionado com ...

Leia mais

 

O Mosteiro de Shaolin

O mosteiro de Shaolin e suas influências   Erguido em 495 d.c. no meio de uma floresta no sopé da montanha Song, ...

Leia mais

 

Arte Marcial Chinesa

A origem da arte marcial chinesa   A discussão sobre a verdadeira origem das artes marciais chinesas não é mais uma incógnita; ...

Leia mais

 

Shaolin do Norte

Dentre os diversos sistemas que foram ensinados no Templo de Shaolin, está as 10 mãos de Shaolin. Tal sistema foi ...

Leia mais

 

Mestres

CHAN KOWK WAI (CHEN GUO WEI) Nasceu em 1936 em Taishan, província de Guangdong. Aos quatro anos de idade assistia escondido ...

Leia mais

 

Estilos que o mestre Chan ensina

Choy Lei Fat Originário do Sul da China, este estilo foi criado por volta do século XIX por Chan Heung (Chen ...

Leia mais

 

Dança do Leão

A dança de leão (舞狮 - wǔshī) é uma arte cerimonial que consiste na manipulação de um leão chinês performada ...

Leia mais

 

Dança do Dragão

A Dança do Dragão foi originada durante a Dinastia Han e começou pelo chinês que mostrou grande respeito para o ...

Leia mais

 

Bei Shaolin Wude – Ética Marcial do Shaolin do Norte

Bei Shaolin Wude – 北少林武德 Ética Marcial do Shaolin do Norte O Bei Shaolin Wude , código da Ética Marcial do Shaolin ...

Leia mais